Cidades

Parnamirim se destaca na avaliação da Lei de Acesso à Informação e prefeito Taveira diz que não há como administrar sem transparência

EM RELAÇÃO ÀS CIDADES COM MAIS DE 100 MIL HABITANTES, O MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM OCUPA O PRIMEIRO LUGAR

O município de Parnamirim ocupa o segundo lugar com nota 7,50 no que diz respeito ao cumprimento da Lei de Acesso à Informação (LAI), na avaliação realizada pelo Ministério da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União (CGU). Essa é a terceira edição da Escala Brasil Transparente (EBT) que avaliou o cumprimento da Lei em 26 estados, no Distrito Federal e em 2.328 municípios. Em relação às cidades com mais de 100 mil habitantes, o município de Parnamirim ocupa o primeiro lugar.

As duas edições anteriores da avaliação ocorreram em 2015. “Ficamos com nota 2,50 na última avaliação e agora saltamos para 7,50, o que consideramos um grande avanço”, explicou o gestor de C&TI, Dario Medeiros, acrescentando que os critérios usados foram a regulamentação da LAI, a existência de canal (presencial e eletrônico) para solicitações de informações pelos cidadãos e o recebimento das informações solicitadas.

Para o prefeito Rosano Taveira, a implementação da Lei de Acesso à Informação foi fundamental para a boa colocação do município nessa avaliação. “Não temos mais como administrar sem transparência. E, para isso contamos com o maravilhoso mundo da tecnologia”, disse o gestor que tem criado canais eletrônicos para auxiliar na administração.


Deixe um Comentário