Últimas do FM

LAVA JATO

Defesa de João Santana diz que marqueteiro do PT não sabia que tinha que declarar conta no exterior

JOÃO SANTANA, MARQUETEIRO DE CAMPANHAS ELEITORAIS DO PT ESTÁ PRESO DESDE A TERÇA-FEIRA (23). (FOTO: STR/AFP)

JOÃO SANTANA, MARQUETEIRO DE CAMPANHAS ELEITORAIS DO PT ESTÁ PRESO DESDE A TERÇA-FEIRA (23). (FOTO: STR/AFP)

Em uma oitiva que durou mais de três horas, nesta quinta-feira (25), na Superintendência da PF, em Curitiba, a defesa de João Santana afirmou à Polícia Federal que o marqueteiro do PT  não sabia que deveria ter declarado à Receita Federal uma conta bancária que tem no exterior. A conta foi aberta em 1998 para receber por serviços de campanhas eleitorais realizados na Argentina, segundo o advogado.

Santana e a esposa, Mônica Moura são suspeitos de receber dinheiro oriundo no esquema de corrupção na Petrobras desvendado pela Operação Lava Jato. O dinheiro seria, de acordo com as investigações, pagamento de serviços eleitorais prestados ao Partido dos Trabalhadores (PT). Os dois foram presos pela Polícia Federal na terça-feira (23).

A defesa voltou a afirmar que em relação à campanha do PT está tudo declarado à Justiça Eleitoral. O advogado FábioTofic disse ainda que o que precisar ser informado, o casal esclarecerá. Santana foi marqueteiro das campanhas da presidente Dilma Rousseff (PT) e da campanha da reeleição do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em 2006.

Polícia

Quatro pessoas são presas em Operação “Macaíba em paz”

SUSPEITOS SÃO INVESTIGADOS PELOS CRIMES DE HOMICÍDIO, ESTUPRO E TRÁFICO DE DROGAS. ( FOTO: ASSESSORIA SESED)

SUSPEITOS SÃO INVESTIGADOS PELOS CRIMES DE HOMICÍDIO, ESTUPRO E TRÁFICO DE DROGAS. ( FOTO: ASSESSORIA SESED)

A Delegacia de Polícia Civil de Macaíba deflagrou, na manhã desta quinta-feira (25), a Operação Macaíba em Paz que conseguiu prender três homens e uma mulher. Os suspeitos foram detidos em cumprimento a mandados de prisão expedidos pela Justiça.

Os detidos na Operação foram Vanderson Fernandes Tomé, 22 anos; Wagton Akin Fernandes dos Santos, 18 anos, suspeito de ter praticado os crimes de homicídio e tráfico de drogas; Geraldo Nunes da Silva, 52 anos, suspeito por estupro e Amanda Larisse Freitas da Silva, 20 anos, suspeita por tráfico de drogas.

Assembleia Legislativa do RN

Ministério Público de Contas vai investigar crescimento de cargos na Assembleia Legislativa

PEDIDO FOI SOLICITADO PELO PROCURADOR GERAL EM EXERCÍCIO , THIAGO MARTINS GUTERRES.

PEDIDO FOI SOLICITADO PELO PROCURADOR GERAL EM EXERCÍCIO , THIAGO MARTINS GUTERRES.

O Ministério Público de Contas do RN (MPC) pediu uma auditoria para investigar crescimento do número de cargos na Assembleia Legislativa do estado. De acordo com o pedido, há atualmente 379 cargos de provimento efetivo e outros 2.592 de livre nomeação e exoneração, o que denota uma “notória desproporção”.

Segundo o MPC, o Portal da Transparência da AL-RN mostra a criação de 1.756 novos cargos entre 2011 e 2016, o que equivale ao aumento de 86% do quantitativo total de funcionários ativos.

Ainda segundo o pedido, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) identificou a existência de 296 casos potenciais de acumulação ilícita de cargos públicos e a permanência em atividade de oito servidores efetivos com idades acima do limite de 70 anos, o que configura a existência de circunstância indicativas de irregularidades, o que “também merece ser objeto de um exaustivo aprofundamento investigatório”.

O processo foi distribuído para o conselheiro Gilberto Jales, que é o responsável por relatar processos relativos à O conselheiro irá elaborar um voto e submeter ao Pleno do TCE, que deverá decidir pela continuidade da auditoria requerida.

Polícia

Cinco presos conseguem fugir da penitenciária de Alcaçuz reutilizando túnel descoberto no domingo (21)

FOTO CEDIDA PELA PM

FOTO CEDIDA PELA PM

Seis detentos conseguiram fugir em mais um fuga registrada no presídio de Alcaçuz . O número foi confirmado após contagem realizada na manhã desta quinta (25) pelos agentes penitenciários.

A nova fuga no presídio de Alcaçuz foi descoberta por volta das 23h desta quarta-feira (24), quando dois presos conseguiram fugir do pavilhão 1 do maior presídio do RN, utilizando um túnel que foi descoberto no domingo (21).

A Sejuc já tinha providenciado a concretagem o início e da saída do túnel, porém, os presos abriram um novo buraco dentro do pavilhão 1, que conectava ao interior do túnel já aberto.Fora do presídio, os presos escavaram uma nova saída, ao lado da que havia sido fechada.

Agentes penitenciários estão realizando a contagem dos presos na manhã desta quinta (25) e ainda não há confirmações de quantos presos conseguiram fugir.

Somente neste ano, 100 detentos conseguiram fugir das unidades prisionais do Rio Grande do Norte.