Últimas do FM

Cidades

Mineradora Samarco entra com pedido para voltar a operar em Mariana/MG

(FOTO: RICARDO MORAES/REUTERS)

ROMPIMENTO DA BARRAGEM DA MINERADORA NO MUNICÍPIO MATOU 17 PESSOAS (FOTO: RICARDO MORAES/REUTERS)

Menos de quatro meses depois do rompimento da barragem da mineradora Samarco no município de Mariana, em Minas Gerais, na tragédia que matou 17 pessoas e deixou duas desaparecidas, a empresa entrou com pedido na Secretaria de Estado de Meio Ambiente para utilizar duas cavas como depósito de rejeitos de minério de ferro. As cavas são buracos que se formam depois que determinado ponto da mina se exaure.

Com a chegada da solicitação, feita nesta quinta-feira, 25, o governo emitiu um formulário no qual a mineradora precisa responder questões técnicas sobre a utilização das cavas. Em seguida é necessária a apresentação de estudos. Não há prazo para a resposta da secretaria ao pedido.

 


Saúde

Secretaria de Saúde de Natal convoca 176 novos profissionais

OS CONVOCADOS SÃO OS REMANESCENTES DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE 2015. ( FOTO: DIVULGAÇÃO/SMS)

OS CONVOCADOS SÃO OS REMANESCENTES DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE 2015. ( FOTO: DIVULGAÇÃO/SMS

A Secretaria Municipal de Natal convocou 176 candidatos das vagas remanescentes do Processo Seletivo Simplificado de 2015, para as categorias de assistente social, farmacêutico, farmacêutico bioquímico, cirurgião dentista, enfermeiro, agente administrativo, técnico de enfermagem, auxiliar de consultório dentário, técnico laboratório e auxiliar de farmácia. A lista dos convocados está no Diário Oficial do Município (DOM) desta sexta-feira, dia 26 de fevereiro.

Os candidatos deverão comparecer ao Setor de Acolhimento da Secretaria Municipal de Saúde de Natal, localizada na Rua Fabrício Pedrosa, 915, Petrópolis, Natal, no prazo de 72 horas, a contar os dias úteis a partir desta publicação, no horário das 9h às 15h. Os convocados deverão apresentar original e duas cópias dos documentos listados abaixo, assim como a documentação original comprobatória enviada no ato da inscrição.


Documentos e exames

a) Do diploma ou de declaração de conclusão do Curso para o cargo pretendido; b) 02 (duas) fotografias 3 x 4 (iguais). Não serão aceitas fotografias reproduzidas por scanners ou qualquer meio eletrônico semelhante; c) Carteira do respectivo Conselho; d) Comprovante de regularidade junto ao Conselho Regional de sua categoria; e) Carteira de identidade; f) CPF; g) Título de Eleitor com declaração de quitação eleitoral; h) PIS; i) Carteira de Trabalho (CTPS); j) Certificado Militar (para candidatos do sexo masculino); k) Comprovante de Residência; Termo de Ciência, Concordância com o Edital e Declarações Negativas (Anexo I) e Declaração de Vínculo Empregatício (Anexo II).

Os candidatos têm que trazer os seguintes exames de saúde: Hemograma Completo, Sumário de Urina e VDRL, dosagens bioquímicas de glicose, triglicerídeos, colesterol total, HDL, LDL e RX de tórax, todos com validade de até 90 dias. A critério da avaliação da junta médica do Município do Natal, poderá ser solicitado exames complementares e avaliação de especialistas da área.


Assembleia Legislativa do RN

Assembleia Legislativa emite nota sobre Reforma Administrativa na casa

ALRN

EM CINCO ANOS, O NÚMERO DE CARGOS COMISSIONADOS NA ALRN TRIPLICOU, SALTANDO DE 836 EM 2011, PARA 2.592 EM 2016.

A Assembleia Legislativa do RN emitiu nesta sexta-feira (26), nota sobre a reforma administrativa na casa, onde aponta a transparência como prioridade na atual gestão. A nota destaca ações recentes como o lançamento do Portal da Transparência, a auditoria interna e o censo dos servidores , e finaliza anunciando os próximos passos, entre eles, a diminuição dos cargos comissionados.

Segue a nota na íntegra:

Nota Reforma Administrativa

Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte

Natal, 26 de fevereiro de 2016

A transparência tem sido prioridade na atual gestão da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que implantou o Planejamento Estratégico, o Portal da Transparência, além da auditoria interna, o censo dos servidores e avança para uma nova Assembleia através da Reforma Administrativa. As medidas estão em curso na atual gestão, que cumpre o papel institucional de garantir o acesso à informação e trabalha para regularizar a situação funcional dos servidores.

No ano passado, a Assembleia iniciou uma auditoria interna para avaliar os dados relativos à folha de pagamento. Após a conclusão deste levantamento, o Poder Legislativo solicitou ao Tribunal de Contas do RN, através do ofício n° 1806/2015, o cruzamento de dados funcionais para análise jurídica e administrativa dos servidores.

Em resposta à solicitação da Assembleia, o Tribunal de Contas do Estado encaminhou ofício nº 689/2015, com informações e análise de casos de potencial acumulação de cargos públicos. Além disso, a Assembleia instalou comissões internas para analisar os casos e o novo Portal da Transparência garante o acesso irrestrito às informações da Casa.

O próximo passo é a Reforma Administrativa da Assembleia Legislativa, instituindo o planejamento para os cargos, setores e salários dos servidores, incluindo o levantamento sobre a necessidade de diminuir a estrutura dos cargos comissionados, respeitando as prerrogativas do Poder Legislativo.

Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte

Palácio José Augusto

f2b7ea2e-f4bb-4c7a-aa20-1921c9111b2d

Segurança

TCE autoriza RN a realizar concurso para Polícia Militar

O PROCESSO FOI RELATADO PELO PRESIDENTE DO TCE, CONSELHEIRO CARLOS THOMPSON ( FOTO: EMANUEL AMARAL/TN)

O PROCESSO FOI RELATADO PELO PRESIDENTE DO TCE, CONSELHEIRO CARLOS THOMPSON ( FOTO: EMANUEL AMARAL/TN)

Mesmo estando acima do limite legal de gastos com pessoal, o Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN), decidiu, que o Rio Grande do Norte poder realizar concurso público para repor policiais militares que entraram na reserva ou foram demitidos.

O processo foi relatado pelo presidente do TCE-RN, o conselheiro Carlos Thompson, analisado a partir de consulta enviada à Corte de Contas pela secretária estadual de Segurança Pública e Defesa Social, Kalina Leite.

De acordo com os termos dos votos, a Lei de Responsabilidade Fiscal autoriza a reposição de servidores aposentados nas chamadas áreas essenciais: educação, saúde e segurança.