Últimas do FM

Polícia

Operação Motociclo notifica 23 condutores e apreende 20 veículos irregulares em Nova Parnamirim

(DIVULGAÇÃO/SESED)

(DIVULGAÇÃO/SESED)

Policiais do 1º Distrito do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE) deram continuidade nesta quinta-feira (5) as ações de fiscalização com ênfase nos veículos de duas rodas. Os trabalhos estão ocorrendo de forma permanente e abrangem diversos bairros da capital potiguar e área metropolitana. Hoje, a ação foi concentrada em Nova Parnamirim, com o intuito de coibir a condução de veículos por pessoas não habilitadas e a circulação de veículos irregulares.
Na oportunidade, foram abordados 76 veículos, o que resultou na lavratura de 23 autos de infração, remoção de 20 veículos ao pátio do DETRAN e recolhimento de uma carteira de habilitação e quatro documentos veiculares.
(DIVULGAÇÃO/SESED)

(DIVULGAÇÃO/SESED)


Diversos

Em data histórica, HI Hostels oferecem diária a 1 real

Mais de 30 hostels da rede Hostelling International Brasil espalhados nas 5 regiões do país vão oferecer diárias a R$ 1 no dia 15 de maio. A promoção comemora o aniversário de nascimento de Richard Schirmann, professor alemão que fundou o movimento alberguista.

Richard organizava excursões e caminhadas com seus alunos e, em um desses passeios, foram pegos por uma tempestade. Depois de conseguirem abrigo em uma escola, o professor teve uma grande ideia: criar espaços com dormitórios coletivos a baixo custo para que mais jovens pudessem viajar mais e viver novas experiências. O movimento cresceu e, hoje, os hostels são uma alternativa de hospedagem acessível, sem deixar de oferecer conforto e qualidade.

A promoção de diárias a R$ 1 é um incentivo da Hostelling International Brasil para que as pessoas possam viajar mais. O preço é válido para estadias em quartos compartilhados e inclui roupa de cama e café da manhã. A promoção é válida somente para aqueles que apresentarem a carteirinha da HI, que além da participação na promoção e descontos constantes nas diárias dos mais de 4 mil hostels da Hostelling International em todo o mundo, também oferece benefícios em passeios e outros eventos (veja mais no site www.hihostelbrasil.com.br).

Confira abaixo a lista de hostels participantes:

Alagoas
HI Hostel Ponta Verde – Maceió
HI Hostel Maceió e Pousada – Maceió

Amazonas
HI Hostel Amazon Adventure– Manaus

Bahia
HI Hostel Sossego – Ilha de Boipeba
HI Hostel Escorregue no Reggae – Morro de São Paulo
HI Hostel Caminhos da Chapada – Palmeiras
HI Hostel Barra – Salvador

Ceará
HI Hostel Fortaleza – Fortaleza
HI Hostel Jeri Brasil – Jericoacoara

Distrito Federal
HI Hostel 7 – Brasília

Goiás
HI Hostel 7 – Goiânia
HI Hostel Rua Direita – Pirenópolis

Mato Grosso
HI Hostel Portal do Pantanal – Cuiabá

Minas Gerais
HI Hostel Pampulha Boutique – Belo Horizonte
HI Hostel Adrena Sport – Belo Horizonte
HI Hostel Diamantina – Diamantina

Paraná
HI Hostel Roma – Curitiba

Pernambuco
HI Hostel Liras da Poesia – Porto de Galinhas
HI Hostel Arrecifes– Recife

Rio de Janeiro
HI Hostel Marina dos Anjos – Arraial do Cabo
HI Hostel Alê Friburgo – Nova Friburgo
HI Hostel Brothers – Rio de Janeiro
HI Hostel Copa – Rio de Janeiro
HI Hostel Casa do Rio – Paraty

Rio Grande do Norte
HI Hostel Albergue da Costa – Natal

Rio Grande do Sul
HI Hostel Gramado– Gramado
HI Hostel Porto Alegre Boutique – Porto Alegre
HI Hostel Missões – São Miguel das Missões

São Paulo
HI Hostel O’Riley’s – São Paulo
HI Hostel Okupe Jardins – São Paulo

Sergipe
HI Hostel Aju e Pousada – Aracaju


Política

Dilma diz que não vai se desmobilizar no processo de impeachment

DILMA EM SANTARÉM: "NÃO VOU FICAR PARADA ESPERANDO ÔNIBUS PASSAR. VOU LUTAR PELO MEU MANDATO"

DILMA EM SANTARÉM: “NÃO VOU FICAR PARADA ESPERANDO ÔNIBUS PASSAR. VOU LUTAR PELO MEU MANDATO”

A presidenta Dilma Rousseff voltou a fazer um discurso de condenação do processo deimpeachment, classificado por ela de “golpe” e reafirmou que não vai se desmobilizar e continuará lutando pelo seu mandato. Ela fez novamente referências indiretas ao vice-presidente Michel Temer, dizendo que propostas de reduzir gastos com saúde e educação não teria o apoio da população.

“Como que uma pessoa que quer fazer isso [reduzir gastos com programas sociais] resolve o problema dela? Faz uma eleição indireta e veste com a roupa do impeachment. O impeachment é uma roupa, um disfarce. O que estão fazendo mesmo é uma eleição indireta. Não é o povo que está votando. Porque se apresentar para vocês a proposta de reduzir o gasto com educação e saúde, vocês vão concordar? Não vão. Por isso que é um absurdo”, questionou.

Em discurso na cidade paraense de Santarém, ao participar de evento que marcou a entrega de 6.597 casas, a presidenta repetiu a defesa que tem sido feita por ela, de que o Brasil corre risco de um “golpe” e que não há crime de responsabilidade que justifique o seu afastamento. Na próxima semana, o Senado vai decidir se aprova a admissibilidade do processo. Em caso positivo, ela será afastada por até 180 dias para que os senadores a julguem.

“Eu acho que estou sendo vítima de uma injustiça. Tenho consciência disso. Isso não vai me desmobilizar. Não vou ficar parada esperando ônibus passar. Vou lutar pelo meu mandato. Tenho responsabilidade em relação à democracia do meu país”, declarou Dilma a uma plateia de beneficiários do programa Minha Casa Minha Vida.

Segundo Dilma, as acusações contra ela são frágeis e os decretos de crédito suplementar que assinou foram feitos em governos anteriores. “Não adianta querer encurtar o caminho do poder. Vivemos em uma democracia. Para chegar à Presidência tem de ter voto”.

A cerimônia foi realizada simultaneamente em outras cidades brasileiras, onde estavam presentes autoridades locais e moradores beneficiados. Além das 3.081 unidades habitacionais em Santarém, foram entregues 1.200 em Camaçari (BA), 1.230 em Uberaba (MG), 600 em Campos dos Goytacazes (RJ) e 486 residências em Itapipoca (CE).

Ao se dirigir à população em Itapipoca, o governador do Ceará, Camilo Santana, pediu que todos ficassem de pé e enviassem energias positivas à presidenta. “A luta continua contra o golpe e pela democracia”, disse.

Durante todo o evento, tanto em Santarém como nas outras localidades, a plateia entoou gritos de apoio à Dilma como “Não vai ter golpe” e “No meu país, eu boto fé, porque ele é governado por mulher”.

Agência Brasil

Política

“Não renunciarei”, diz Eduardo Cunha após afastamento

“NÃO RENUNCIAREI”, AFIRMOU O PEEMEDEBISTA À COLUNA NESTA PAINEL QUINTA-FEIRA (5)

Afastado do cargo por uma liminar concedida pelo ministro Teori Zavascki (STF), Eduardo Cunha diz que não irá renunciar à presidência da Câmara.

“Não renunciarei”, afirmou o peemedebista à coluna nesta quinta-feira (5), momentos antes do início do julgamento de seu caso no Supremo Tribunal Federal.

Se, de fato, não abrir mão do cargo, Cunha travará a deflagração de um processo sucessório para o comando da Câmara. Nesse caso, a instituição teria de ser presidida pelo atual vice-presidente da Casa, o deputado Waldir Maranhão, salvo se houver algum acordo ou a própria renúncia do vice permitindo uma nova eleição.

Cunha pretende conceder uma entrevista coletiva depois da decisão do Supremo.