Últimas do FM

Cidades

Emparn prevê semana de céu nublado e com chuvas moderadas em Natal e região

A Gerência de Meteorologia da Empresa de Pesquisa do Rio Grande do Norte (EMPARN) está prevendo mais chuvas para a semana que está começando. Segundo o meteorologista Gilmar Bristot, “as condições do oceano Atlântico Sul estão melhorando na questão referentes ao vento, campo de pressão e temperatura superficial das águas”.

Essas condições favoreceram a formação de instabilidades oceânicas, responsáveis pelas chuvas que caíram durante a última semana sobre a faixa litorânea nordestina. Para os próximos dias, as chuvas deverão acontecer em menor intensidade. Nesta segunda-feira, 17, céu nublado com chuvas moderadas no litoral Leste. No Agreste, pancadas de chuvas. No interior céu parcialmente nublado a claro com chuvas isoladas.

Na terça-feira, 18, a previsão é de céu parcialmente nublado com pancadas de chuva moderadas no litoral Sul e Região Metropolitana de Natal. No Agreste, pancadas de chuvas. Nas demais regiões a predominância é de céu parcialmente nublado a claro com pancadas de chuvas na Região de Mossoró. Na quarta-feira, 19, com céu parcialmente nublado com chuvas no litoral Leste, Agreste e Oeste. Nas demais regiões, parcialmente nublado a claro.

Com base nas imagens do satélite meteorológico, na quinta-feira, 20, o céu estará parcialmente nublado a claro com possibilidades de chuvas no litoral Leste e Agreste e parcialmente nublado a claro nas demais regiões. Na sexta-feira, 21, novamente céu parcialmente nublado a claro com chuvas na madrugada e amanhecer do dia no litoral Leste e Agreste e parcialmente nublado a claro nas demais regiões.

Por fim, o sábado, 22, também deve ter céu parcialmente nublado a claro com pancadas de chuvas no amanhecer do dia no litoral Leste e Agreste e parcialmente nublado a claro nas demais regiões, com o domingo, 23, véspera de São João, tendo algumas chuvas na madruga e início do dia e céu parcialmente nublado a claro no restante do período no litoral Agreste e Leste, e parcialmente nublado a claro nas demais regiões.

FIM DE SEMANA

No último fim de semana, da manhã de sexta-feira até a manhã desta segunda-feira, 17, a Gerência de Meteorologia voltou a registrar chuvas em grande parte das mesorregiões Agreste e Leste do Estado.

Na mesorregião Central choveu mais forte em Macau (10,6mm) e Lajes (8,7mm). Na mesorregião Agreste, em Monte Alegre (29mm) e São Pedro (25mm). Na Leste, em Montanhas (69,2mm); Natal (50,4mm) e Parnamirim (48,1mm).

Governo

Bolsonaro assina hoje MP que facilita a venda de bens confiscados de traficantes

Marcos Corrêa/PR

O presidente da República, Jair Bolsonaro, anunciou em sua página oficial no Twitter que vai assinar, ainda nesta segunda-feira (17), uma medida provisória (MP) que “simplifica e desburocratiza” o processo de venda de bens apreendidos do tráfico de drogas. Segundo ele, essa será uma forma de ‘combater o crime com os seus próprios recursos’.

“Hoje, 17 de junho, assinaremos Medida Provisória que simplifica e desburocratiza a venda e utilização de bens apreendidos do tráfico em políticas de prevenção e combate ao crime organizado”, diz Bolsonaro . “De maneira inteligente, vamos combater o crime com os recursos do crime”, escreveu o presidente.

De acordo com o Ministério da Justiça, as novas regras sobre itens confiscados devem dar mais eficiência e racionalidade na gestão de bens apreendidos. Além disso, o documento assinado pelo presidente deve autorizar a contratação temporária de engenheiros em projetos de contrução de presídios .

A MP deve ser assinada em solenidade agendada para as 17h no Palácio do Planalto. Na cerimônia, devem participar os ministros da Justiça e Segurança Publica, Sergio Moro , e da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Essa será mais uma vez que Moro – que já havia se pronunciado em favor dessas iniciativas – será visto em público ao lado de Bolsonaro, depois dos vazamentos que enfraqueceram a sua imagem como ex-juiz e atual ministro do governo . Na última sexta-feira, o presidente já havia anunciado que há “possibilidade zero” de demitir Moro do governo Bolsonaro.

Em nota, o Ministério da Justiça afirmou que, com a assinatura da MP, “será possível transformar, mais rapidamente, os bens apreendidos em recursos financeiros para aplicação em investimentos sociais”.

iG

Cidades

Fátima reafirma fortalecimento da Caern e meta de levar água e saneamento ao RN

Twitter/Reprodução

Ao proferir nesta segunda-feira, 17, a palestra magna do 30º Congresso Brasileiro de Saneamento e Engenharia Ambiental – Cbesa, a governadora Fátima Bezerra enfatizou que é de fundamental importância garantir à população o direito a água de qualidade e ao saneamento. Ela lembrou que o fornecimento de água limpa e o tratamento de esgotos têm reflexos positivos na saúde pública. “A Organização Mundial da Saúde – OMS comprova que cada R$ 1,00 investido em saneamento representa economia de mais de R$ 4,00 na saúde pública”, argumentou a governadora do Rio Grande do Norte. O congresso prossegue até o dia 19, no Centro de Convenções de Natal.

A governadora defendeu a ampliação dos investimentos pelo poder público e parcerias com o setor privado. “A agenda do RN não é a da privatização da água, mas a agenda do fortalecimento da empresa pública estadual, a Caern, que pode e deve dar lucro. Mas é importante também fazermos parcerias com o setor privado com a finalidade de levar a todo o estado água boa e em quantidade e saneamento para prevenir doenças e melhorar a saúde do nosso povo”.

Como exemplo de empresa pública eficiente e lucrativa, a governadora do RN citou a Cagepa – Companhia de Águas e Esgotos da Paraíba, que hoje trabalha com eficiência e aporta ao Orçamento Geral do Estado R$ 120 milhões/ano. “Vamos intensificar o diálogo, inclusive em relação à proposta do marco legal do saneamento que tramita no Congresso, e firmar parcerias. Quanto mais diálogo, melhor”, reforçou.

O secretário nacional de saneamento ambiental, Jhônatas Assunção informou que “a nossa meta é que até 2033 consigamos atingir a universalização do saneamento básico no país”. Para isso será necessário investimentos de R$500 bilhões nos próximos anos e articulação entre estados e municípios para levar água e esgotamento sanitário a todos.

Promovido pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (ABES), o congresso é o maior evento da área no país, reúne profissionais, estudantes e especialistas das áreas pública e privada, governo e universidades, e tem como tema “Saneamento Ambiental: como tratar igual, os desiguais”.

A presidente da Abes no RN, Geny Formiga, diretora de empreendimentos da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern), disse que além das questões técnicas o evento trata de questões sociais “que impactam diretamente na qualidade de vida e do meio ambiente. Reunimos o que há de melhor no conhecimento técnico e político no setor, de forma democrática e participativa, trazendo contribuições para as políticas de saneamento”, declarou.

O presidente nacional da Abes, Roberval Tavares, registrou que “as ações e desafios no setor para os próximos anos devem ser prioridade do Estado”.

Durante o congresso também se realiza a Fitabes – Feira Internacional de Tecnologias de Saneamento Ambiental, que apresenta tecnologias de saneamento ambiental utilizado na América Latina, presença das principais empresas do setor expondo novidades em tecnologias, produtos, serviços e equipamentos, além de estandes de companhias de todo o país.

Espaço Água é aberto ao público

Esta edição do evento traz uma área inovadora e interativa aberta à visitação da população, com entrada franca. O Espaço Água está recebendo, até 19 de junho, estudantes e público geral para conhecer o mundo do saneamento e da água em atividades interativas e voltadas à educação ambiental e cidadã.

Em uma área de 3mil m², crianças e adultos poderão participar de jogos interativos, conhecer como funcionam as Estações de Tratamento de Água (ETAs) e de Tratamento de Esgoto (ETEs) e a coleta de resíduos. Uma das principais atividades do Espaço abordará todo o processo de despoluição dos rios e os impactos positivos para as cidades e suas populações.

O horário de visitação vai das 9h às 17h.

Governo

Senado convida Glenn Greenwald para explicar vazamentos da Lava Jato

Fernando Frazão/Agência Brasil

O Conselho de Comunicação Social (CCS) do Senado aprovou nesta segunda-feira (17) convite para ouvir o jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil , responsável pela publicação de mensagens trocadas entre o ex-juiz da Operação Lava Jato, Sergio Moro, e procuradores da força-tarefa.

Além de Glenn Greenwald , os senadores também esperam ouvir, em audiência marcada para o dia 1º de julho, o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Carlos Ayres Brito e os jornalistas Claudio Dantas ( O Antagonista ), Paulo Tonet ( Rede Globo ), Daniel Bramatti (da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo) e Maria José Braga (da Federação Nacional dos Jornalistas).

Glenn entrou no centro do noticiário político nas últimas semanas ao publicar no  Intercept Brasil conversas vazadas que indicam suposta coordenação entre Moro e a força-tarefa de procuradores coordenada por Deltan Dallagnol . Na última sexta-feira (14), novos trechos de conversas revelaram que o atual ministro da Justiça e Segurança Pública teria sugerido ao Ministério Público Federal (MPF) a divulgação de uma nota para rebater ao que chamou de “showzinho” da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

iG