Política

Luciano Huck reitera ao TSE que não vai disputar eleição

A defesa de Luciano Huck informou ao TSE que ele “reitera que não será candidato no pleito deste ano”. A afirmação consta do processo em que o apresentador é acusado pelo PT de ter promovido sua eventual candidatura ao Planalto no ‘Programa do Faustão’, da TV Globo. A defesa rebate ponto a ponto a acusação e menciona a “presença do presidente Michel Temer em programas do SBT, a fim de defender a imagem do seu governo e a reforma da Previdência”, como exemplo de que não é vedado tratar de política nas emissoras de TV.

Ele pode? Ao TSE, a defesa de Huck disse que, se a participação de Temer em vários programas do SBT é admitida, “não há motivo para se pretender recriminar” seu cliente por defender, no Faustão, “a necessidade de renovação da carcomida política nacional”.

Ponto a ponto. A defesa de Huck também contesta o fato de a ação ter sido movida pelo senador Lindbergh Farias e o deputado Paulo Pimenta, ambos do PT, que não teriam competência para isso, e de haver pedido de multa, que entende não caber nesse caso.

Tá comigo. O ministro Napoleão Nunes Maia, corregedor do TSE, recebeu a defesa de Huck na terça-feira. O PT requer a inelegibilidade e/ou a cassação do registro da respectiva candidatura do apresentador.

Fonte: O Estado de S.Paulo

Deixe um Comentário