Polícia

“Justiça Já” : outdoors na BR-405 cobram punição para empresário bêbado que atropelou e matou família no Oeste potiguar

OUTDOOR INSTALADO NA BR-405 CLAMA POR JUSTIÇA. (FOTO:MOSSORÓ HOJE)

Quase dois meses após o crime que chocou a região do Oeste potiguar, nada foi feito para punir o empresário Sueldo Bessa Regis, acusado de atropelar e matar uma família inteira na BR-405, em São Francisco do Oeste – RN. Como forma de protesto, outdoors foram instalados pela BR onde o fato aconteceu, clamando por justiça. O empresário estava bêbado no momento do crime.

” Impunidade até quando? Justiça já!”, diz o outdoor, que traz também uma foto do família assassinada.

FRANCISCO RAULINO , 32 ANOS, SUA ESPOSA ELIANAI DE MELO, 21 ANOS, E O FILHO DO CASAL FRANCISCO RAULINO, DE 2 ANOS DE IDADE FORAM ATROPELADOS E MORTOS

O caso

No dia 25 de março, o casal  Francisco Raulino Júnior, 32 anos, sua esposa Elianai de Melo Bandeira, 21 anos, e o filho deles, Francisco Raulino Neto, de apenas 2 anos de idade, vinham em uma motocicleta pela BR-405, sentido Saõ Francisco do Oeste, quando foram atingidos na traseira por uma caminhonete, modelo Hilux, dirigida pelo empresário Sueldo Bessa, de 57 anos. A família morreu na hora. Testemunhas relataram que o empresário estava visivelmente bêbado.

O empresário, dono do posto de combustível Segundo Melo, chegou a ser preso pelo crime no dia 27 de abril. No entanto, não passou nem 24 horas detido, sendo solto por meio de decisão judicial.

A família, que era do Estado do Acre, estava morando em Pau dos Ferros há apenas três meses. Raulino Júnior mudou para a cidade para estudar Direito.

EMPRESÁRIO SUELDO BESSA, É ACUSADO DE ESTAR BÊBADO NO MOMENTO EM QUE ATROPELOIU E MATOU A FAMÍLIA.


Deixe um Comentário