Governo

Governo discute melhorias na Fapern para favorecer desenvolvimento do RN

SEDE DO GOVERNO DO RIO GRANDE DO NORTE

O Governo do Estado trabalha para reforçar a atuação da Fundação de Apoio à Pesquisa do estado do Rio Grande do Norte – FAPERN. Na última sexta-feira, 3, a governadora Fátima Bezerra reuniu o vice-presidente do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa – Confap, Fábio Guedes, o presidente da Fapern, Gilton Sampaio e o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa da Paraíba – FAPESQ/PB, Roberto Germano para tratar de ações em apoio às políticas públicas.

Fátima considerou de grande importância a articulação entre as fundações em apoio às ações da gestão pública. “Precisamos adotar estratégias adequadas e integradas para enfrentar os desafios. É fundamental encontrarmos soluções, através da aplicação do conhecimento científico, da inovação e da tecnologia para o crescimento econômico e sustentável”, afirmou a governadora. Ela acrescentou que “a pesquisa e a utilização do conhecimento devem ser tratados como aliados para o fomento à produção e à melhoria da qualidade de vida das pessoas”.

Fábio Guedes, que também é presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do estado de Alagoas – Fapeal, disse que “muito pode ser feito com o trabalho integrado entre as fundações. Além de trocar experiências e informações sobre projetos já realizados com eficácia comprovada, podemos identificar o que mais pode ser feito nos estados, principalmente com a utilização das tecnologias”.

Secretário de Desenvolvimento Econômico do RN, Jaime Calado destacou  que “conhecimento, a inovação e a pesquisa aplicada são fundamentais para o crescimento econômico.  Hoje não há outro caminho para o desenvolvimento econômico e social”.

As fundações estaduais atuam em parceria e cooperação com órgãos e agências nacionais e internacionais a exemplo do Ministério da Ciência e Tecnologia, a Financiadora de Estudos e Projetos – Finep, o Conselho Britânico e a União Europeia.

Gilton Sampaio considerou que o fortalecimento da Fapern é estratégico para o Rio Grande do Norte por que aproxima a academia do governo, fortalece as políticas públicas e o desenvolvimento econômico e social do estado”.

A reuniu contou também com a participação do vice-governador Antenor Roberto, dos secretários de estado da Tributação, Aldemir Freire, da Educação, Getúlio Marques, da assessora do governo Maria Luíza Tonelli, do diretor de inovação e do chefe de gabinete da Fapern, Júlio Rezende e Arthur Barbosa.

O QUE É O CONFAP

Criado em 2006, congrega 26 Fundações estaduais de Amparo à Pesquisa e trabalha como parte ativa do Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação.

Tem por objetivo promover melhor articulação dos interesses das agências estaduais de fomento à pesquisa científica, tecnológica e de inovação no Brasil.

Atua na defesa da autonomia das fundações e entidades estaduais de amparo à pesquisa, na defesa da regularidade e da execução financeira dos repasses das dotações orçamentárias.


Deixe um Comentário