Sem categoria

Em nota, Ricardo Motta diz que Ministerio Público “dissemina” propaganda eleitoral negativa

DEPUTADO ESTADUAL RICARDO MOTTA (PSB) É ACUSADO DE DESVIOS NO IDEMA

Em resposta a veiculação  de delações premiadas  que acusam o deputado estadual Ricardo Motta de desvios de R$ 400 mil no Idema, para construção de casas em lagoa, o deputado emitiu nota em que nega acusações e faz duras críticas ao MP.

Leia:

É revoltante constatar que uma instituição com tão nobre missão constitucional, como o Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte, utilize o seu poder de divulgação na mídia para disseminar verdadeira propaganda eleitoral negativa contra a minha pessoa.

As investigações sobre o fato se iniciaram há cerca de dois anos e, coincidência ou não, o ajuizamento da ação e a sua divulgação à imprensa, por duas vezes na mesma semana, ocorrem em pleno período eleitoral, a conta gotas.

O que ora se combate e a legislação eleitoral proíbe expressamente é a conduta tendente a afetar a igualdade de oportunidades entre candidatos nos pleitos
eleitorais.

Reafirmo com veemência que não tenho qualquer participação nos fatos investigados e que tenho minha consciência tranquila, o que será provado à Justiça.

RICARDO MOTTA
DEPUTADO ESTADUAL


Deixe um Comentário