Saúde

Cosems quer trazer canal de televisão do SUS para o Rio Grande do Norte

CANAL ENVIARÁ QUESTIONÁRIO PARA SER APLICADO AOS 167 SECRETÁRIOS MUNICIPAIS DE SAÚDE DO RN

O Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Norte tem se empenhado na tentativa de trazer o Canal Saúde, emissora de televisão Sistema Único de Saúde (SUS), criado e gerido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Norte e gestora em saúde de São José do Seridó, Debora Costa dos Santos, esteve no Rio de Janeiro/RJ, na última sexta-feira (02), visitando os estúdios.

De acordo com Debora Costa, esse desejo de trazer o Canal Saúde ao Estado nasceu em 2015, durante visita da superintendente Marcia Corrêa e Castro ao RN, e foi sendo amadurecido ao longo de dois anos, principalmente, após um levantamento onde 82 secretários municipais de saúde potiguares mostraram seu interesse em transmitir o Canal nas Unidades de Saúde de todo o Rio Grande do Norte.

“A equipe do Canal Saúde enviará um questionário para ser aplicado em meio aos 167 gestores do RN para que na reunião [ordinária do Cosems] de 19 de julho eles já possam vir ao Estado para tratar das oficinas nas regiões de saúde, que terão como foco os funcionários das Unidades de Saúde dos municípios”, frisou a presidente do Cosems.

Ainda de acordo com Debora, o Cosems-RN será pioneiro no Projeto da Fiocruz que tem o objetivo de apresentar à sociedade, através do Canal Saúde, o SUS que dá certo nos municípios. “Temos excelentes projetos que precisam ser conhecidos e compartilhados. Esta iniciativa trará grandes benefícios para todos nós que somos gestores”, destacou.



Deixe um Comentário