Mundo

Boxeador que beijou repórter à força é multado em quase R$ 10 mil

Quase dois meses depois de beijar à força a repórter Jenny Sushe, o boxeador búlgaro Kubrat Pulev foi multado em US$ 2,5 mil (cerca de R$ 10 mil) pela Comissão Desportiva do estado da Califórnia. Na época do incidente, o pugilista já havia sido suspenso por quatro meses pela Comissão Atlética da Califórnia. As autoridades também determinaram que o lutador faça aulas sobre assédio sexual antes que possa lutar novamente nos Estados Unidos, a partir de julho.

O episódio de assédio aconteceu no dia 25 de março. Após a luta contra Bogdan Dinu, realizada em Los Angeles e vencida por Pulev, o atleta foi entrevistado pela jornalista, do jornal “Vegas Sports Daily”. Jenny perguntava ao búlgaro sobre a possibilidade de um combate contra o britânico Tyson Fury. O lutador responde normalmente à pergunta, mas no fim da conversa beija a jornalista.

Visivelmente constrangida, a jornalista ainda tentou disfarçar o desconforto. Nas redes sociais, Jenny definiu o momento como “estranho” e “embaraçoso”.

Twitter

OP9


Deixe um Comentário