Educação

Adolescentes que cumprem medidas socioeducativas em Caicó participam de Olimpíada de Matemática

Cedida/Fundase

Vinte adolescentes que cumprem medidas socioeducativas no Case Caicó responderam às questões da primeira fase da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas – Obmep 2019 na terça-feira (21). Foi a primeira vez que socioeducandos atendidos pela unidade seridoense participaram do evento. Antes deles, alguns jovens já haviam feito a prova isoladamente em outras unidades, nunca em um grande grupo.

A aplicação das provas foi realizada em dois blocos: o primeiro para alunos de 6º e 7º anos e o segundo para 8º e 9º anos. A adesão dos adolescentes ao teste foi unânime. Todos que estavam aptos participaram, de acordo com o professor da disciplina, José Xavier.

“A unidade tem alunos muito bons em Matemática, que conseguem desenvolver bem o conteúdo e fazem todas as atividades”, destacou o professor José Xavier. “Outros têm alguma dificuldade, porque na maioria das vezes estão há algum tempo fora da escola – às vezes dois, três anos – mas eles também vão superando as dificuldades. Acredito que teremos alunos classificados pra segunda fase”, disse.

O professor ressaltou ainda a importância do apoio das equipes técnica e pedagógica do Case Caicó e do Centro de Educação de Jovens e Adultos Senador Guerra, ao qual está vinculado e que viabilizou a inscrição dos adolescentes.

José Xavier é professor de Matemática há 13 anos e há cerca de um ano está no atendimento socioeducativo, o que considera “uma experiência única”.

“A gente não sabe a realidade e vai com um pouco de receio, mas quando comecei a dar aula lá percebi que não era nada do que imaginava. Eu me sinto mais seguro dentro da unidade do que em escolas fora. É um trabalho que a gente tem que dar as mãos e é muito gratificante o resultado”, contou.

Esta é a 15ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas. Fazem a avaliação estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e também do Ensino Médio. O resultado da primeira etapa sai no dia 05 de julho. A segunda fase será realizada em 28 de setembro e o resultado final está previsto para 03 de dezembro.

Criada em 2005, a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas surgiu com o objetivo de descobrir jovens talentos para a Matemática, contribuir para estimular o estudo da disciplina por meio da resolução de problemas que despertem o interesse e a curiosidade de professores e estudantes, além de promover a inclusão social pela difusão do conhecimento.


Deixe um Comentário