Turismo

ABIH/RN prevê queda da ocupação hoteleira na praia de Pipa durante a Semana Santa

Resultado de imagem para praia e pipa

A ABIH PREVÊ QUE A OCUPAÇÃO DE LEITOS NA PRAIA DE PIPA NÃO ULTRAPASSARÁ O ÍNDICE DE 70%

Embora a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio Grande do Norte (ABIH/RN) estime que a ocupação hoteleira chegue ao patamar de 81% por ocasião da Semana Santa, a entidade revela que o turismo na praia de Pipa, no mesmo período, sofrerá uma queda. A ABIH prevê que a ocupação de leitos no mais famoso balneário potiguar não ultrapassará o índice de 70% – em 2018, a média de ocupação na Pipa foi de 84%.

No entanto, de forma geral, a entidade que representa-se a hotelaria potiguar mostra-se satisfeita com a ocupação prevista para Natal (81%), que representa um crescimento, já que no mesmo período do ano passado apenas 72% dos leitos foram ocupados.

De acordo com José Odécio, presidente da ABIH-RN, o crescimento  da ocupação em Natal é sinônimo de satisfação, mesmo em baixa estação. Ele explica que apesar dos altos preços nas passagens aéreas, o turismo sol & mar está sempre em alta. “Os hotéis abrigam turistas que estão à procura de descanso nas praias potiguares. Natal possui belezas naturais, uma vasta rede hoteleira e boa gastronomia. Isso encanta o turista e consequentemente a procura pelo destino aumenta”, esclarece.

Segundo a ABIH/RN, em Mossoró, os índices indicam uma elevação da ocupação de  leitos, que deverá se fixar no patamar de 75%.


Deixe um Comentário