Últimas do FM

Cidades

Bombeiros resgatam corpos dos dois mineradores soterrados em Bodó, RN

Desabamento aconteceu em mineradora de Bodó, na região Seridó potiguar (Foto: Aildo Bernardo)

Os corpos dos dois mineradores mortos em um soterramento ocorrido na manhã da quinta-feira (22) durante o trabalho de extração de scheelita no município de Bodó, na região Central potiguar, enfim foram resgatados. Eles foram retirados da mina por volta das 3h desta sexta (23) por militares do Corpo de Bombeiros. As equipes de resgate disseram que somente uma das rochas, a que estava sobre os corpos, tinha mais de 2 toneladas.

Os bombeiros também relataram que foi preciso fazer escoras para que não houvesse novos deslizamentos, o que dificultou e retardou ainda mais os trabalhos de resgate.

Fonte: G1/RN


Jurídico

Construtora Ecocil é condenada a reparar danos causados em condomínio na zona sul

O juiz Sérgio Augusto de Souza Dantas, da 6ª Vara Cível de Natal, condenou a Ecocil – Empresa de Construções Civis Ltda. a reparar os danos causados no Condomínio Residencial Ecocil Sports Park, conforme descrito em laudo pericial realizado para apurar falhas de construção do empreendimento, que entre outras, constatou infiltrações, vazamentos, rachaduras, defeitos nas instalações hidráulicas e elétricas do empreendimento.

A sentença judicial atende pedido feito pelo Condomínio, que nos autos processuais afirmou que o prédio apresenta diversas falhas de construção nas estruturas e instalações do empreendimento, que vem sendo verificadas ao longo destes anos de existência, o que ocasiona transtornos e aborrecimentos para seus moradores.

O condomínio garantiu que, por meio de seu síndico, procurou a construtora por várias vezes para solução dos problemas, sendo que alguns casos já foram obtidos soluções, outros, permanecem sem qualquer reparo até os dias atuais.

Entre os diversos problemas que vem causando transtornos no prédio, estão: mal posicionamento e vazamentos nos sprinklers; Skate-Bool fora de padrão, sendo extremamente íngreme, o que impossibilita o uso; necessidade de substituição das árvores que morreram; salões de festas das quatro torres com infiltrações na área interna, danificando a pintura, acarretando despesas para o condomínio.

Outros problemas citados foram: a sala de ginástica, salão de jogos (Torre I e III) e home theatre também apresentam infiltrações e consequentemente danos na pintura; o revestimento dos banheiros da sala de ginástica da torre I e do salão de jogos da torre I está se soltando; o banheiro do Home Theatre (Torre IV) está obstruído, ocasionando transbordamento; infiltrações e rachaduras nas áreas comuns (quatro torres, churrasqueiras, sauna, tobo-água, squash, depósito de gás, garagens, lixeira, casa de máquinas etc).

O Condomínio ainda denunciou que: na piscina infantil e semiolímpica, o rejunto está mais uma vez largando, inclusive nas fissuras de dilatação da infantil; o teto (forro de PVC) da quadra de Squash está se desprendendo; a pavimentação continua com problemas, as pedras de cimento se desmancham, inclusive em locais que a construtora já trocou; as valas de drenagens localizadas no parquinho não atendem a vazão das águas das piscinas.

Para o magistrado, a relação entre as partes é de consumo e que houve, no caso, vícios de qualidade decorrentes de baixa qualidade entre os materiais empregados e má técnica utilizada. Ele observou que as fotografias anexadas aos autos não deixam dúvidas acerca dos diversos defeitos apresentados na obra, quais sejam, pintura externa danificada por infiltração, falha no plantio das carnaubeiras, infiltração na parte interna das janelas, reboco externo afetado por infiltração, e a pista de skate bool com declividade acentuada, podendo causar acidentes durante o seu uso.

“Evidenciada a falha na prestação dos serviços por parte da construtora, decorrendo o dever de reparar/consertar os prejuízos decorrentes”, decidiu.

Segurança

Militares estaduais cobram cumprimento de Acordo

Os policiais e bombeiros militares do RN continuam mobilizados em prol da efetivação de suas reivindicações. Nestas duas últimas semanas, os representantes da categoria percorreram as secretarias do Estado a fim de cobrar do Governo a execução do que foi pactuado no Termo de Compromisso e Acordo Extrajudicial, no dia 10 de janeiro, e ratificado no dia 6 de fevereiro.

Até o início deste mês, estava em atraso o acertado para implantação do pagamento dos promovidos em agosto de 2017, a efetivação das promoções de dezembro de 2017, a implantação dos níveis da Polícia Militar e Corpo de Bombeiro Militar, o pagamento retroativo dos promovidos em 2015, o pagamento do 13º salário e do salário de janeiro.

Mesmo após novo compromisso, apenas foi cumprido o pagamento do salário de janeiro, as promoções de dezembro de 2017, e a implantação dos promovidos em agosto de 2017 – que foi publicado no Boletim Geral e será pago na folha de fevereiro -, de acordo com o subtenente Eliabe Marques, presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN).

“Continuamos na luta incessante para que todos os itens do Termo sejam cumpridos. Já fomos à Controladoria Geral do Estado, à Secretaria de Administração, ao Gabinete Civil, sempre procurando saber dos últimos encaminhamentos dados às questões. Mas, infelizmente, o andamento neste governo é lento. Precisamos perseverar”, relata o subtenente.

Geral

Detran descentraliza serviço de abertura de processo de Habilitação

Foto: Edivan Jr.

O Departamento Estadual de Trânsito do RN (Detran) deu mais um importante passo no sentido de descentralizar os serviços oferecidos pelo Órgão e promover maior comodidade aos usuários. Dessa vez, a ação resulta no credenciamento dos Centro de Formação de Condutores (CFCs) do Estado, as conhecidas autoescolas, para que o cidadão possa abrir processos referentes a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) diretamente nessas unidades.

O diretor-geral do Detran, Eduardo Machado, explicou que as 94 autoescolas habilitadas pelo Detran em todo Rio Grande do Norte já se encontram aptas a realizar os procedimentos de abertura de processos de primeira habilitação e renovação de CNH, como também os de adicionar e mudar a categoria da CNH. “Uma das principais metas do Governo do Estado é proporcionar um serviço público de qualidade gerando comodidade ao cidadão. E com essa medida, o Detran avança no sentido da descentralização dando ao usuário mais opções para atender a sua demanda”, comentou.

O procedimento para abertura dos processos citados é simples. Basta o cidadão se dirigir a um das autoescolas espalhadas pelo Estado, apresentar um documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência e informar o tipo de serviço que deseja realizar. Em seguida, as informações são inseridas no banco de dados e impresso uma guia de identificação gerada pelo sistema de Registro Nacional de Carteira da Habilitação (Renach).

De posse da guia do Renach e da documentação pessoal, o usuário busca uma unidade do Detran para finalizar o procedimento e receber sua CNH atualizada. “Ao chegar no Detran o cidadão já pula a etapa de abertura de processo fazendo com que a conclusão do serviço seja mais ágil e consequentemente diminua filas e o tempo de espera”, relatou o subcoordenador de Habilitação do Órgão, Aryan Gleydson.

De acordo com o setor de Estatística do Detran, no ano de 2017 foram realizados 208.279 atendimentos referentes a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Desse total, 70% foram requisições feitas por condutores do sexo masculino e 30% do feminino. O município com maior número de procedimentos foi Natal (114.425), seguido de Mossoró (30.435) e Parnamirim (15.431).